Como Fazer um Orquidário

4
1381
fazer um orquidario
como fazer um orquidário

Você já deve ter notado que o cultivo de orquídeas se torna paixão a primeira vista. Ao ganhar de presente ou mesmo adquirir sua primeira orquídea, logo se apaixona pelos cuidados e pela beleza que encanta nossas residências, alegra o ambiente de trabalho e dá ao lar um ambiente de calma e tranquilidade.

É impossível cuidar de apenas uma espécie e logo partimos para a segunda, terceira e por aí vai. Nem sempre planejamos um lugar adequado dedicado a cuidar das orquídeas, mas percebemos que há uma necessidade de otimizar um espaço reservado a se fazer um orquidário.

 

Como fazer um orquidário?

O orquidário é um local apropriado ao cultivo, armazenamento e apreciação das orquídeas. Acima de tudo é um local de exibição e de transcendência, haja vista que se uma sozinha já faz a alegria de muita gente, imagina possuir um cantinho em casa com diversas espécies em harmonia?

Dedicar um espaço às plantas se faz necessário no intuito de melhorar a condição de cuidados, proteger das condições naturais nocivas, tipo: excesso de sol, de água, ventos fortes e até mesmo o controle de possíveis pragas.

Sem contar que um orquidário no quintal deixa qualquer casa muito mais elegante, realçando a decoração e até alternar alguns vasos entre o interior da casa e o orquidário.

Num primeiro momento nos preocupamos com a questão dos custos, achando que ter um orquidário em casa é muito caro, entretanto, utilizando algumas técnicas podemos reduzir drasticamente os custos e ter um espaço super charmoso, usando materiais caseiros e até reciclados (e a natureza agradece!).

Já pensou em ter um cantinho lindo, bem cuidado, de baixo custo e ainda por cima sustentável? Como Fazer um orquidário?

SIM isso é possível! Vamos lá!

Tipos de Orquidário

Vale lembrar que um bom orquidário é o que controla o máximo de condições adversas possíveis, de maneira que seja possível aumentar/diminuir a luminosidade, os ventos, umidade e etc.

O tipo de orquidário vai depender também dos tipos de orquídeas que serão cultivadas sob sua proteção. Sendo que a diversidade de espécies deve levar em consideração as necessidades individuais.

Basicamente precisamos de uma estrutura de 4 colunas (de madeira ou alvenaria), uma cobertura que pode ser tela, sombrite (tela que regula a luminosidade), ou mesmo telhas translúcidas.

Orquidário Ripado

Local onde a cobertura é feita através de ripas espaçadas de forma paralela e que retém 50% da luminosidade e devem ser dispostas no sentido norte-sul propiciando que o movimento (imaginário) do sol permita a luminosidade uniforme durante o dia todo.

A largura das ripas geralmente fica entre 3 e 5 cm, sendo que o espaçamento também deve possuir a mesma largura das ripas. Nessa disposição, as ripas alternam a luz e sombra sobre as orquídeas, o que evita queimaduras nas folhas.

A altura do teto varia entre 2,5 a 3 metros para um maior arejamento. Já o piso fica a critério de cada um, mas recomendasse que o chão seja coberto de pedras, britas ou pedriscos.

Os vasos podem ser colocados pendurados, outra parte pode ser colocado em bancadas, mesas e o que mais a criatividade permitir.

orquidário ripado
Orquidário

 

Orquidário Telado

A estrutura é bem parecida com o ripado, entretanto, sua cobertura é composto por uma tela muito semelhante a renda de mosquiteiros: O sombrite.

O sombrite é uma tela de baixo custo, muito fácil de encontrar em lojas de produtos agrícolas, de fácil manuseio e o principal benefício de seu uso é que você pode escolher a proteção na hora de comprar.

Ele é vendido em várias versões: 30%, 50%, até 80% de luminosidade.

Outra vantagem é a facilidade na montagem, onde é necessário apenas as colunas (de madeira), o sombrite no tamanho da cobertura e um grampeador ou pregos para fixar o sombrite.

Os tipos de orquídea a serem cultivados são os mesmos do ripado. No lugar da madeira também pode ser utilizado bambu ou outro material leve, pois, o sombrite é extremamente leve.

Como fazer um orquidário
Orquidário de Tela

 

Espaço restrito: Apartamento

No caso dos apartamentos necessitamos mais de criatividade do que de dinheiro propriamente falando. Até porque geralmente em apartamentos não existem espaços a 100% de luminosidade, então a cobertura já é dispensável e o orquidário precisa ser compacto.

Sendo assim, o orquidário pode ser feito fixando uma estrutura de madeira (pallets), alumínio ou algo do gênero objetivando cultivar orquídeas fixadas em pedaços de tronco de árvores,  enfim esbanjar a criatividade.

Lembrando sempre de escolher um local que tenha ventilação, tenha alguma luminosidade e que possa ser borrifado de água, na rega das plantas.

Se o local tiver janelas, é necessário impedir que as folhas encostem no vidro, evitando queimaduras em períodos de sol. As plantas que necessitam de maior insolação, no caso das cattleyas e phalaenopsis devem ficar mais próximas as janelas.

Orquidário em apartamento
Orquidário em apartamento

 

Materiais necessários

Conforme visto anteriormente, os materiais necessários variam de acordo o tipo de orquidário, mas relacionaremos alguns exemplos de materiais que podem ser utilizados, da forma que a criatividade pedir:

  • Ripas de madeira (3 a 5 cm) de largura pelo comprimento da cobertura;
  • Moirões de eucalipto tratado;
  • Bambu;
  • Sombrite;
  • Pallets de madeira;
  • Tela de alumínio ou madeira;
  • Pregos e grampos;
  • Brita
  • Hastes de pendurar
Ripas de madeira
Ripas de madeira
Eucalipto Tratado
Eucalipto Tratado

 

 

 

 

 

 

Sombrite 70%
Sombrite 70%

 

 

 

 

 

 

Resumindo

Pode-se fazer o consórcio com outras plantas menos chamativas, como samambaias e outras plantas folhosas.

Ter um orquidário em casa é uma experiência única, que só quem já possui pode descrever. Conviver num ambiente verde, repleto de flores lindas é ótimo, com um bônus extra de encantar as pessoas que nos visitam e trazer um pouco de tranquilidade e calma ao ambiente estressado da cidade grande.

Quer mostrar seu cantinho de orquídeas para os leitores?

Envie imagens do seu orquidário e dicas para o nosso e-mail: [email protected]

Criaremos um artigo para divulgar fotos das orquídeas caseiras, forte abraço!

4 COMENTÁRIOS

  1. Eu nãߋ sou mսito de um оn-line leitor devo ѕеr honesto
    mas seu site é muіto bom, continue assim! Εu vou ᥱm frente
    e marque ѕeu local para voltar mɑiѕ tarde . Ӎuito obrigado

Deixe uma resposta