Orquídeas Raras: 5 espécies exuberantes

As Orquídeas em si são plantas exuberantes, logo, tanto as orquídeas raras ou mesmo as mais populares atraem olhares encantados com a beleza que apresentam em suas mais variadas formas.

Seja por flores exóticas ou folhagens decorativas elas sempre enchem os olhos de qualquer pessoa.

Das 35 mil espécies naturais (número ainda discutível) existem algumas que são extremamente raras ou até mesmo já extintas, devido a ação do homem.

As orquídeas raras são ameaçadas por diversos fatores, como a coleta ilegal e contrabando direto do seu habitat natural, avanço do desmatamento para diversos fins como pecuária, cultivos de plantas destinadas a alimentação dentre outros.

Separamos uma lista com 5 espécies de orquídeas raras:

Orquídea Fantasma (ghost orchid):

Tema do livro The orchid thief (o ladrão de orquídeas) e posteriormente filme adaptado, a orquídea fantasma (Dendrophylax lindenii) é epífita rara, encontrada nos bosques húmidos da Flórida e nas Bahamas na ilha de Cuba.

É uma espécie que não possui folhas nem caule, as raízes possuem cloroplastos e fazem a fotossíntese, além da fixação e absorção de água e nutrientes.

A espécie é muito rara devido a complexidade de seu cultivo, exige alta umidade e outras condições muito específicas. Em seu habitat natural floresce entre os meses de junho a agosto.

como cuidar de orquideas Fantasma
Orquídea Fantasma (Ghost Orchid)

 

Orquídea Sapatinho:

A Cypripedium calceolus possui esse nome devido a sua enorme semelhança com sapatos amarelos.

É a espécie de clima frio, sendo encontrada inclusive no Alaska, onde as temperaturas são bem severas.

Trata-se de orquídeas terrestres perenes, podendo viver muitos anos com um pouco de cuidado especial, como solo bem drenado e semi-sombra.

orquidea sapatinho como cuidar
Orquídea Sapatinho

Coleman’s coral root (Hexalectris colemani)

É uma espécie rara endêmica do Arizona e está ameaçada pelo avanço da pecuária, mineração e incêndios florestais.

Se trata de espécie terrestre que se abriga em bosques de carvalho, ao fundo de canyons.

Ao que parece não é plantada comercialmente.

cuidar de orquidea hexalectris
Orquídea Hexalectris colemani

 

Cattleya walkeriana ou ‘Feiticeira’

A Feiticeira é encontrada em Minas Gerais, descoberta às margens do rio São Francisco e tem um alto valor agregado, alguns exemplares custando até R$ 1.000,00.

Possui variações de cores perfeitas que vão desde o lilás até o branco com diversas tonalidades, e tem um cheiro muito atrativo que lembra a canela.

É uma planta epífita e gosta de substratos bem arejados, podem ser utilizados substratos a base de pinus, chips de coco e o que mais a criatividade permitir.

orquidea cattleya como cuidar
Orquídea Cattleya walkeryana branca

Cattleya schilleriana

A Cattleya schilleriana é uma espécie endêmica do estado do Espírito Santo, encontrada na bacia do rio Jucu.

Infelizmente foi considerada extinta na natureza, encontrando exemplares apenas em cativeiro, guardadas a sete chaves.

Sua floração se dá nos meses de setembro e outubro, entretanto, pode ocorrer duas florações no mesmo ano, mesmo que muito raramente.

orquidea Cattleya schilleriana
Orquídea Cattleya schilleriana

 

Pra quem ama as Cattleyas segue o símbolo de Curitiba:

Gostaram do artigo? Curta nossa fan page e clique embaixo pra compartilhar nas redes sociais!

3 comentários sobre “Orquídeas Raras: 5 espécies exuberantes”

Deixe um comentário